Perceber as ilusões e expectativas | Sim, afecta-me. E agora?

Há coisas que nos afectam.

Que nos deixam a pensar. Que nos fazem sentir tristes, desapontados, desiludidos. Ou frustrados, chateados, irritados.

A nossa primeira tendência é ficar focados na situação externa, o que talvez nos leve a pensar que são os intervenientes ou causadores da situação os responsáveis pelo que estamos a pensar ou a sentir.

Ok. Até podemos continuar a pensar assim (com todo o risco de estarmos completamente iludidos)… Mas para além disso, porque é que nos afecta tanto?

Porque activa as emoções ou pensamentos negativos?

Porque nos tira do nosso centro e do nosso equilíbrio?

Será que a questão são mesmo as outras pessoas ou a situação exterior?

Uma boa pista para nos abrirmos à aprendizagem que determinada situação que nos afecta nos pode trazer é precisamente perguntarmo-nos porque é que aquela situação está a mexer connosco.

O que é que existe em nós que fez com que ficássemos irritados, chateados, desiludidos ou tristes com o que está a acontecer?

Quais as expectativas que alimentávamos e que ficaram frustradas?

Como gostaríamos que tudo tivesse acontecido?

Perceber as ilusões e expectativas que ainda acalentamos dentro de nós em relação aos outros ou à forma como a Vida deve decorrer é de extrema importância.

Porque na verdade… só nos desiludimos quando estamos iludidos.

E é na escolha de ver que se encontra a chave da nossa liberdade e do nosso poder.

Por: Cristina Gomes | Contacto: www.cristinagomesterapias.com

Deixe uma resposta